Solução PPPoE de Baixo Custo e Muito Desempenho

Com a popularização da fibra óptica nos últimos anos, chegaram os super planos de velocidade, 100 mega 300 mega 500 mega entregues ao cliente final, e com isso muitos provedores começaram a enfrentar problemas para conseguir entregar uma internet de qualidade. Provedores que utilizam MikroTik em seus concentradores PPPoE sofrem com problemas de alto processamento, desempenho e travamentos em seus equipamentos.

No tutorial de hoje vamos apresentar uma solução PPPoE para mais de 3 mil usuários custando menos que uma Routerboard CCR 1036.

O SOFTWARE:
Neste tutorial vamos utilizar o Accel-PPP, um software open-source que roda em ambiente Linux.

LINUX SUPORTADO:
O Accel-PPP tem suporte a CentOS, Debian e Ubuntu, para o tutorial vamos utilizar o Debian10.

Servidor referência para comparar desempenho:
Dell R410 2 Xeon L5520, 16gb ram, 1 placa intel X520-DA2 (Encontrado por até R$ 5.000,00 com placa de Intel X520-DA2)
Nos testes com Accel-PPP com o R410 autenticamos cerca de 3200 mil usuários com processamento na casa dos 30% e passando 4.7 Gbps.

Instalação Debian 10 Buster LIMPA Passo-a-passo

Para instalar o Accel-PPP siga os seguintes passos abaixo:

Atualizar Debian e instalar dependências necessárias

Copiar o código fonte do Accel-PPP do repositório oficial

Criar e acessar a pasta aonde vamos preparar o código para iniciar a instalação

Compilar e instalar o Accel-PPP

Ative o Accel-PPP na inicialização do Debian

Crie o arquivo aonde vamos configurar o accel para autenticar nosso primeiro usuário

Dentro do arquivo, cole o seguinte código:
obs: troque ens192 pela placa de rede que o cliente vai autenticar, e troque 192.168.10.25 pelo ip da wan do debian

Próximo passo é criar o arquivo aonde vai ficar os dados do usuário:

Dentro do arquivo vamos colar o seguinte:

Agora com tudo configurado, vamos reiniciar o serviço do Accel-PPP para aplicar as configurações:

Se você seguiu o tutorial até aqui corretamente, coloque um roteador para discar e vamos ver o resultado, o usuário que configuramos no arquivo /etc/chap-secrets foi usuário: teste senha: teste

Com o roteador conectado, vamos digitar o seguinte no terminal do Debian10:

com este comando vamos ver o nosso primeiro usuário conectado:

Último passo para o cliente navegar é ativar o IP FORWARD no Debian, e fazer o NAT.

Chegando até aqui, você já consegue autenticar um usuário e fazer ele navegar a partir do Servidor PPPoE, para autenticar usamos um método de autenticação local, com usuário, senha e plano configurados dentro do Debian, mas o Accel-PPP é compatível com muitos sistemas de gerencia de provedores ex: (MkAuth, SGP, IXC, TOPSAPP, MkSolutions, HubSoft dentre outros ).

Autor: Júnior Decezere http://t.me/jrdecezere

Grupo do Telegram para trocas de informações sobre o Accel-PPP https://t.me/braccelppp

Link Curso Accel-PPP do ZERO ao AVANÇADO http://www.cursoaccelppp.com.br/
Pagando o curso por esse link, você reverte uma % para o remontti.com.br

Você pode gostar...

17 Resultados

  1. Luis Araujo disse:

    Como ficaria a migração de uma RB para esse Accel?
    Hj uso Mkauth para gerenciar os clientes, já subiriam automaticamente ?

  2. Sobre a parte de logs consigo fazer o monitoramento por este server ou tenho que montar uma máquina separada?

  3. Estou precisando uma configuração para 10k com mais ou menos 10G em horário de pico, porém tenho achado muito caro os produtos

  4. Remontti, seus tutoriais estão fazendo a diferença para mim.
    Gostaria de saber se posso compartilhar seus trabalhos no LinkedIn. Eu faço as coisas e quando dão certo, eu posto lá. Mas quero dar créditos a quem merece crédito. Desde já, agradeço.

  5. Heitor disse:

    Boa tarde, da pra fazer CGNAT e ter os logs ?

  6. Will disse:

    muito bom o material, se eu usar o radius, nao preciso criar os planos e nem o usuario?

  7. Ronaldo da Silva Paixão disse:

    Já comprei à alguns meses atras, atualmente uso em minha rede 1400 sessões esqueci meus problemas…uso em um i7 9700k em media 5% de processamento com 2.5gbps de trafego em horario de pico, recomendo!

  8. Renan Aquino disse:

    Parabens pela iniciativa, otimo tutorial vai ajudar muitos clientes!

  9. flavio Dionizio disse:

    e o controle de banda como seria feito?

  10. Renilton disse:

    O controle de banda funciona? Tem como colocar burst.

  11. Bruno Dantas disse:

    muito bom.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *