Gerencie suas máquinas virtuais do VirtualBox via Web #phpVirtualBox

Com VirtualBox é possivel executar diversos sistemas operacionais (Windows, Linux, UNIX, BSD) simultaneamente no mesmo hardware, que são chamados de máquinas virtuais. Uma das características é o mascaramento dos recursos físicos (incluindo processadores, quantidade de memória, interfaces de rede), o que permite diminuir a administração de drivers nas máquinas virtuais, e transferir uma máquina virtual entre servidores físicos diferentes.

Existem várias ferramentas de virtualização disponíveis.

Microsoft Virtual Server 2005 R2 – disponível para plataforma x86 e x86_64 bits. Suporte: Somente Windows.
Qemu – ferramenta de virtualização de código aberto disponível para windows, mac e Linux.
Vmware – Disponível para Windows e Linux.
VirtualBox – Aplicativo de código aberto disponível para Windows, Mac, Linux e Solaris.
Xen – Suporta Windows, bem como distribuições Linux.

O VirtualBox inicialmente foi lançado sob licença proprietária, mas mais tarde (2007) a Oracle Corporation começou a lançá-lo sob GNU General Public License. Escrito completamente em C, C ++ e Assembly Language está disponível para Windows, OS X, Linux e Solaris.

INSTALAÇÃO:
Debian 9 Stretch, recomendo uma instalação limpa do Debian

Recomendo já baixar a ISO nonfree: https://cdimage.debian.org/cdimage/unofficial/non-free/cd-including-firmware/

Adicione o repositório do virtualbox

Debian 9 Stretch

Vamos a instalação, a versão 5.2 (nesta data 28/03/19) ainda não tem uma versão 6 compatível com o phpVirtualbox.

Certifique-se que seu repositório esteja usando os repositórios nonfree e contrib.

Ao final de cada linha verifique se consta: nonfree e contrib, se não tiver adicione, ficando assim:

Faça download dos pacotes extras: https://www.virtualbox.org/wiki/Downloads como instalei a versão 5.2 irei baixar a versão correspondente: (If you’re looking for the latest VirtualBox 5.2 packages, see VirtualBox 5.2 builds.)

Instale os pacotes extras


Responta Yes (y)

Vamos executá-lo como o nosso usuário vbox, porque ele não precisa acessar o resto do seu sistema.

Defina uma senha para seu usuario vbox

Diga ao seu sistema qual usuário vai executar o VirtualBox.

Faça com que o vboxweb-service inicie no boot. Como dito acima nosso usuário não precisa ter acesso total ao sistema, entao vamos instalar o sudo e roda-lo via sudo.

Adicione no /etc/rc.local o comando para iniciar junto com o boot.

No debian 9 esse arquivo é necessário criá-lo

No Debian 9 precisa alterar as permissões:

Vamos instalar o serviço web + php

Entre no diretório do usuário vbox, baixe o phpvirtualbox, extraia o mesmo e altere as configurações necessárias. Nosso arquivos vão ficar todos nesta pasta.

Crie um atalho dentro do diretório do apache para podermos acessar via web.

Agora acesse:
http://IP-SERVIDOR/phpvirtualbox/
Usuário: admin
Senha: admin

Alterando a senha padrão.

Clique no menu: File -> Change Password


Insira a nova senha.

Alterando o idioma para PT-BR.

Clique no menu: File -> Preferences…

Selecione na esquerda Language, e escolha Português (Brasil)

Criando uma maquina virtual.
O procedimento para criação de uma VM é igual ao que você já conhece na versão desktop.

Para acessar remotamente você precisa ativar a tela remota:

Você pode colocar suas ISOs no diretório do usuário vbox:

😉

Rudimar Remontti

Trabalho atualmente como Gerente de Redes em um Provedor de Internet no Rio Grande do Sul.

Você pode gostar...

11 Resultados

  1. Paulo disse:

    Fui criar uma VM, e ocorreu o seguinte erro:

    VirtualBox error: rc=0x80004001 Page fusion is only supported on 64-bit hosts (0x80004001)

  2. Judson disse:

    Mas se você quiser fazer um curso com 20 alunos por exemplo, para que cada um tenha sua VM, você necessitará de de um Hardware com no mínimo uns 50GB de memória, fica inviável não?

  3. Emanuel Araujo disse:

    Olá, instalei conforme o tutorial, funcionou até a hora de tentar subir uma VM para iniciar uma instalação! Então o console da VM não funciona!
    Sabe o que pode ser?!

  4. Fábio Holliday disse:

    Excelente, tudo redondinho!

  5. Humberto Guimarães disse:

    Muito obrigado por compartilhar… excelente trabalho e de fácil entendimento para mais leigos como eu e precisando de resolver um probleminha… obrigado!

  6. Rafael disse:

    amigo, parabens pelo seu tutorial, foi o mais perto que cheguei de um tutorial bom. infelizmente estou tendo um problema.
    quando eu tento acessar a pagina ele da um erro

    eu criei um pastebin pra ficar mais pratico e deixar tudo em um local so. a primeira parte eh o erro e depois tem o arquivo config.php.. se puder me ajudar agradeco demais

    https://pastebin.com/e0zZrMur

  7. Enio disse:

    Fiz todo o procedimento e funcionou, mas não aparece o pack extra conectado via web. No local aparece, na interface gráfica.
    O que pode ser?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *